SIGA-NOS: 

  • Facebook Clean

A SOLO OU NUMA ESTAFETA DE AMIGOS.

© 2019 Criado por www.momentosdigitais.com

Buscar
  • trailabrantes100

Havia de tudo o que poderia fazer falta para nos abastecer

João Nuno Frade


No rosto os sorrisos escondiam a ansiedade. Na vontade levava a certeza de querer chegar ao fim. Na bagagem levava a força da amizade e o vosso amor! Convosco no coração parti à 1 da madrugada do dia 19 de Abrantes com tantos outros com a mesma vontade. O relógio assinalava o Km eu olhava para o tempo, não me queria soltar muito, ia controlando até que no quilómetro vinte e qualquer coisa numa zona técnica escorreguei e apesar de me segurar com as mãos bati com o calcanhar com muita força. P.A.C. aos 25,3 Km como o #trailabrantes100 já nos habituou havia de tudo o que poderia fazer falta para nos abastecer e já no P.A.C 2 a mesma coisa. Saindo dos primeiros 25 era uma grande descida, e no escuro pela distância que ainda havia a percorrer não me soltei tanto e aumentei o impacto no calcanhar, fui correndo, caminhando, passei depois a 1 Km de casa mas não estava arrependido e continuei. Cheguei ao P.A.C. 5 Sentieiras, uma pancadinha nas costas e um "força João", comer, abastecer de liquidos e seguir. O calcanhar direito ia dando sinais mas ainda não eram fortes. P.A.C &, Z.T.2, uns quadrados de chocolate, de laranja, sal, voltar a encher de água e seguir. Uns quilometros mais à frente as dores intensificavam-se e já não conseguia correr normalmente a ansiedade foi-se instalando, quanto mais me defendia pior! Sempre que havia descidas a dor aumentava. Na zona técnica do rio frio aproveitei para diminuir o ritmo e tentar recuperar um pouco, trilhos lindos junto à ribeira. (...) #trailabrantes100

(retirado do facebook - 20/10/2019)

26 visualizações